julho 18, 2024
Mulheres em Perigo em SC. foto deiwid felicio

Mulheres em Perigo em SC.

São 15 casos dia de violência doméstica no estado.

SC teve média de 15 denúncias de violência contra a mulher por dia nos últimos cinco anos

Foram 28 mil casos registrados nesse período, conforme Dive. Vítimas são de todas as idades, com tipos diferentes de violência para cada faixa etária.

Foram 28.076 registros de violência contra a mulher nos últimos cinco anos, apontou levantamento inédito da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive). Entre 2018 e 2022, a média foi de 15 denúncias por dia.

•as vítimas são de todas as idades, e o tipo de violência cometido contra elas varia conforme a faixa etária. 

•Entre crianças e adolescentes, a violência sexual é a que mais é registrada;

•A agressão física tem a maior incidência entre mulheres com idade entre 20 e 49 anos;

•já idosas, com mais de 70 anos, sofrem principalmente violência financeira…

O documento, ao qual a NSC teve acesso, traz também informações a respeito do perfil das vítimas no estado e a concentração da violência em cada regional de saúde.

Os dados da Dive foram levantados por meio da Gerência de Análises Epidemiológicas e Doenças e Agravos Não Transmissíveis.

Para fazer o estudo, foi usada a base de dados de violência interpessoal do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan). A coleta foi feita em julho de 2023, com dados de janeiro de 2018 a dezembro de 2022.

O objetivo do estudo é manter uma frequência na divulgação dos dados epidemiológicos sobre a violência contra a mulher. A previsão é de que o levantamento seja publicado a cada seis meses.

Fique por dentro das últimas notícias no grupo do WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *