abril 22, 2024
A angustiante espera de Joares Ponticelli  Foto Divulgação

A angustiante espera de Joares Ponticelli 

O prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli(PP), detido pela Operação Mensageiros, terá que esperar mais cinco dias para conhecer seu futuro de acordo com a justiça.   

Tudo porque o pedido de liberdade do prefeito será julgado na próxima quinta-feira (16), porquanto a desembargadora Cinthia Bittencourt Schaefer, num primeiro momento negou a liberdade para o prefeito de Tubarão e a defesa recorreu. 

 A 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça (TJ-SC) decidirá na próxima semana se Joares Ponticelli (Progressistas) continuará preso. A sessão está marcada para as 9 horas de quinta-feira (16). 

A desembargadora Cinthia Bittencourt Schaefer negou a liberdade para o prefeito de Tubarão e a defesa recorreu. Joares está preso em Criciúma desde 14 de fevereiro. 

Ele é investigado na Operação Mensageiro, que apura supostos desvios no escândalo do lixo em Santa Catarina. Além de Cinthia, mais dois desembargadores votarão. 

Fique por dentro das últimas notícias no grupo do WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *