abril 22, 2024
Javier Milei é eleito presidir a Argentina

Javier Milei é eleito presidir a Argentina

Javier Milei é o vencedor do segundo turno de 2023 das eleições presidenciais da Argentina. Segundo os resultados parciais da apuração divulgados pelo governo às 20h51, Milei, da frente La Libertad Avanza, obteve cerca de 13,8 milhões de votos, o equivalente a 55,80% da preferência do eleitorado.
Sergio Massa, candidato da frente governista Unión por la Patria, recebeu 44,19% dos votos argentinos (10,9 milhões de votos). Massa se antecipou ao anúncio dos números e fez um pronunciamento reconhecendo a derrota. “Já falei com Milei, que é o presidente que a maioria escolheu”, afirmou o peronista.

Eleições na Argentina: comparecimento de 76% às urnas

Dos 38,5 milhões de argentinos aptos a votar, 76% compareceram às urnas, ou 25,5 milhões de pessoas. Os votos em branco somaram 396.486 (1,55% do total), enquanto os votos nulos somaram 416.046 (1,62% do total); 94% das urnas haviam sido apuradas. O segundo turno eleitoral foi disputado entre os dois candidatos a presidente mais votados nas eleições gerais de 22 de outubro. Naquela ocasião, o atual ministro da Economia obteve 36,7% (9.853.492 votos), e o deputado nacional, 29,9% (8.034.990 votos).
A apuração definitiva começará 48 horas após a conclusão das eleições. É realizada pela Justiça Nacional Eleitoral a partir das atas de cada mesa de votação e é o resultado final da eleição.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *