abril 23, 2024
A polícia em Mãos erradas foto tribuna online

A polícia em Mãos erradas

Quando o poder de polícia está em mão erradas. Vem do Paraná um péssimo exemplo de policial que deveria proteger, ao invés de gerar medo.

PF investiga delegado que agrediu professor do filho em escola no Paraná

Professor conta que delegado foi armado até escola e deu voz de prisão a docente. Antes da agressão, professor teria dito que iria ‘soltar fogos de artifício’ com a possível saída do filho do policial da escola.

A Polícia Federal abriu um procedimento disciplinar para investigar a conduta do delegado Mário César Leal Júnior. Segundo relatos, o delegado foi armado até a escola do filho, agrediu e deu voz de prisão a um professor que discutiu com seu filho, um adolescente de 13 anos.

O caso ocorreu no Colégio Franciscano Nossa Senhora do Carmo em Guaíra, no noroeste do Paraná, na última sexta-feira (30).

No boletim de ocorrência do delegado registrou por injúria na Polícia Civil. Segundo o documento, o professor teria dito que “soltaria fogos de artifício” com a saída do aluno da escola.

O docente também teria chamado o aluno de “nazista, racista, xenofóbico e gordofóbico”. O delegado citou nomes de outros adolescentes que poderiam depor sobre a relação do professor com o aluno.

Fique por dentro das últimas notícias no grupo do WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *