abril 23, 2024
Operação “Penalidade” movimenta o futebol Foto Ilustração

Operação “Penalidade” movimenta o futebol

Órgãos de segurança nacionais tentam desarticular, com operação realizada nesta terça-feira (18), uma organização criminosa suspeita de manipular resultados de jogos do Campeonato Brasileiro, o Brasileirão.

A Operação Penalidade Máxima II cumpriu três mandados de prisão preventiva e 20 mandados de busca e apreensão em seis estados do país.

•             De acordo com a investigação, o grupo criminoso conseguia manipular resultados após subornar jogadores.

•             Os jogadores recebiam entre R$ 50 mil e R$ 100 mil para realizar ações específicas durante as partidas. 

•             Exemplo: jogadores recebiam propostas para marcarem um pênalti no primeiro tempo de um jogo. Em paralelo, um criminoso envolvido no esquema apostava em um dos sites que aquele pênalti seria cometido por aquele jogador, e era remunerado pela aposta bem sucedida.

•             Caso os jogadores aceitassem, era feito o pagamento do “sinal”.

•             Após a partida, caso o pênalti tivesse sido efetivado, jogadores recebiam restante do valor.

Fique por dentro das últimas notícias no grupo do WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *