abril 23, 2024
Professora é assassinada a poucos metros da escola. Foto divulgação

Professora é assassinada a poucos metros da escola.

Segundo a Prefeitura de Florianópolis, ela já tinha uma medida protetiva contra o suspeito
Mais um crime de feminicídio volta a causar comoção em Santa Catarina, desta vez na capital do Estado. A professora auxiliar Alessandra Abdalla de 45 anos, foi assassinada a tiros pelo ex-companheiro enquanto estava a caminho do trabalho, na manhã desta quinta-feira (24). O crime ocorreu a poucos metros do Núcleo de Educação Infantil (NEIN) Tapera, no Sul de Florianópolis.

Segundo a Prefeitura do município, que comunicou o falecimento, ela já tinha uma medida protetiva contra o suspeito. O Sintrasem (Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Florianópolis) informou que o ex-companheiro é policial militar e não aceitava o término do relacionamento.

A instituição publicou uma nota de pesar dizendo que o crime “reafirma, mais uma vez, o sofrimento enorme gerado pelo machismo estrutural e pela violência contra a mulher”.
Ela era servidora pública desde 2014 e deixa uma filha.

Fique por dentro das últimas notícias no grupo do WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *