junho 18, 2024
STJ nega liminar e mantém detenção de Joarez Ponticelli  Foto Ilustração

STJ nega liminar e mantém detenção de Joarez Ponticelli 

Ministro do Superior Tribunal de Justiça negou liminar ao pedido de Habeas Corpus impetrado pela defesa do prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli (PP)

Ministro do Superior Tribunal de Justiça negou liminar ao pedido de Habeas Corpus impetrado pela defesa do prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli (PP). Com isso, Ponticelli continua preso, pelo menos até a decisão do Colegiado do STJ, formado por cinco ministros, julgar o Habeas Corpus.

Na decisão do ministro relator, que negou a liminar nesta segunda-feira (3), há solicitação de informações ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina e parecer do Ministério Público Federal sobre o caso. Após a análise, será marcada a data para que o colegiado analise o pedido de Habeas Corpus.

O cálculo é que possa demorar pelo menos 20 dias.

O prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, foi preso no dia 14 de fevereiro, em razão da Operação Mensageiro, que investiga possíveis fraudes em contratos com empresa para coleta e destinação do lixo.

Fique por dentro das últimas notícias no grupo do WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *