abril 22, 2024
Mulher é morta ao defender o filho Foto Divulgação

Mulher é morta ao defender o filho

Mulher é morta a facadas após defender filho de 14 anos agredido por vizinho em Araranguá, diz a polícia. Adolescente tentou tirar satisfação com o homem após ouvi-lo fazendo “comentários impertinentes” sobre as roupas da irmã, de 11 anos, informou a Polícia Civil. Suspeito foi preso em flagrante.

Karla Mayara Hoefling Maciel, de 30 anos, foi morta a facadas após tentar defender o filho de 14 anos que estava sendo agredido por um vizinho em Araranguá, O adolescente está internado em estado grave. O suspeito foi preso em flagrante.

Fique por dentro das últimas notícias no grupo do WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *