junho 18, 2024
Morre baluarte da Jovem Guarda Foto Divulgação

Morre baluarte da Jovem Guarda

Principal sensação e maior ícone da Jovem Guarda, da década de 60, desbravador e otimista por natureza, Erasmo Carlos morreu ontem. O tremendão foi do rock às baladas românticas durante seis décadas, de comportamento jovial até o fim.

Erasmo foi, para Roberto e para o resto do Brasil, o amigo corajoso e sincero que nos ajudou a entender a rebeldia, o amor e a vida.

Erasmo Carlos seguiu o chamado desse verso, de sua canção “Gente aberta”, durante 81 anos de vida e mais de 60 de carreira. Nas canções provocativas e nas reflexivas, sempre teve uma sensibilidade arrebatadora.

Fique por dentro das últimas notícias no grupo do WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *